Hoje fui ver, ao natural, o Zuzu e a Margarida. Tirei-lhes algumas fotos mas, contra a luz e com sombra quanto baste pela frente. Porém mais que as fotos a minha chegada foi airosa. Arrumei o carro, desci um pouquito, olhei as primeiras chaminés em frente e vi logo o Zuzu, pousar por trás delas. Senti-me emocionado com aquelas belezas aladas, nos ares dos seus domínios. Eles controlam tudo, a pensar nos filhotes e no seu futuro.

 

Podem ver aqui a janela FalcãoNest

 

Já te vi Zuzu, agora só me falta a Margarida! A Margarida apareceu com mais alimento. Não sei se foi buscá-lo ao telhado, em frente, se foi ela que o foi caçar e também não vi o que era.

Por fim, aproximei-me mais um pouco e lá estava ela dentro da floreira a repartir a presa pelos seus filhotes mas, antes, vi o Zuzu a fazer voo de RVIS a tentar averiguar se havia perigo. Tentando amainar as hostes, tirei uma foto a algumas papoilas, no meio da rua e o Zuzu fez um voo picado de aproximação, e disse-me: "não estragues as papoilas, Ventor, que é nelas que eu apanho os gafanhotos que tu dizes que dão para um almoço teu. Não me espantes os gafanhotos, Ventor"!

 

 
Depois de alimentar os filhotes, uma visão geral da situação e ei-la a arrancar para mais uma caçada

 

 

O sítio do Zuzu e da Margarida, já foi um campo de flores, onde as papoilas eram rainhas. Acho que ainda são pois estão representadas nas cores que eu lhes conheço 

 

Quanto ao calor, os meninos vivem à sombra e só a chuva e a altura os podem molestar.

Boa sorte Zuzu e Margarida, para vós e os vossos filhotes.

**********************************

Eu sou o o Pingas, o cisne amigo do Quico e do Ventor. Agora, sem o Quico, estarei por aqui, a tentar animar o Ventor

********************************************

tags:
publicado por Quico, Ventor e Pilantras às 15:09